Benvindo a Pirenópolis
Benvindo a Pirenópolis

Herbário Digital

Arnica do campo, candeia (Lychnophora ericoides) Medicinal. Usada em infusão no álcool para machucados e contusões. Planta aromática: folhas, caules e flores. Para a preservação da espécie, usa-se a Colheita Racional: Não se deve colher os caules quebrando-os. Colhe-se somente as folhas deixando o broto terminal. Espécime endêmica de cerrado de altitude e campos rochosos. Espécie categorizada como vulnerável por causa da extração descontrolada por raizeiros.

Busca por

termo
família
espécie

Lychnophora ericoides

Família: Asteraceae

Gênero: Lychnophora

Espécie: ericoides

Botânico: Less.

Nomes populares: Arnica do campo, candeia

Uso: Medicinal. Usada em infusão no álcool para machucados e contusões. Planta aromática: folhas, caules e flores. Para a preservação da espécie, usa-se a Colheita Racional: Não se deve colher os caules quebrando-os. Colhe-se somente as folhas deixando o broto terminal.

Ocorrência: cerrado rupestre de altitude

Floração: de janeiro a março

Porte: arbusto, sub-arbusto, ramos lanosos, até 3m

Folhas: simples, alternas, linear

Flores: inflorescência, glomérulos, violáceas

Obs: Espécime endêmica de cerrado de altitude e campos rochosos. Espécie categorizada como vulnerável por causa da extração descontrolada por raizeiros.

Fontes: Cerrado: Espécies vegetais úteis - Almeida, S.P.; Proença, C.E.B; Sano, S.M.;Ribeiro, J.F.